Tamanho do texto maiorTamanho do texto pequeno
E-Mail
Senha
 
 
  Esqueci a senha  
  Acesso bloqueado  
  Cadastre-se

 
  Notas e Notícias
  Perguntas & Respostas
  Nutriletter
  Teses e monografias
  Diretrizes e Legislação
  Manuais
  Anais de Congressos
  Entrevistas
  Aulas
  Tabelas
  Pirâmides
  Cálculos
  Livros
  Links
  Glossário
 
  Anorexia e Caquexia
  Diabetes
  Imunonutrição
  Fibras
  Nutrição Parenteral
  Probióticos
  Nutrição e Saúde Ideal
  Suplementos Orais
  Terapia Nutricional
  Nutrição Enteral
  Paciente Crítico
  Lipídios em NE
  Nut. Perioperatória
  Fibras em NE
  Nutrição Clínica
  Fórum HMB
  Nutribunal & NSI
  Probióticos em cápsulas
 
  Nutrirepórter
 
  Enquete
  Cartas
  Agenda de eventos
  Ajuda
  Fale Conosco
 
  Quem Somos
  Mapa do Portal
 
  ICNSO
  GANEP
 

 
 
 


 
 
DETALHES - P&R

Autor(a):       Mariana C. Raslan
Data:             09/03/2007 10:56:00


Qual peso (ideal ou atual) deve ser utilizado na equação de gasto energético de Harris e Benedict?

O uso de equações preditivas na prática clínica para estimativa do metabolismo basal (MB) é muito comum. Um dos motivos que as tornam atrativas é a pouca disponibilidade e o alto custo dos equipamentos que fazem o cálculo do gasto energético (GE) real, como a bioimpedância elétrica e a calorimetria indireta (1).

A equação mais antiga que determina o MB é a de Harris e Benedict, criada em 1919, que usa parâmetros de peso, altura, idade e sexo, a partir de uma população saudável de origem norte-americana (1,2). Esta equação foi validada por muitos estudos, mas a maioria deles mostrou tendência da equação à superestimação do GE (3,4).

Como foi desenvolvida em população com peso e composição corporal normais, entende-se que indivíduos com desproporção de gordura e peso podem ter sua taxa metabólica de repouso superestimadas (1,2). Por isso, para indivíduos sobrepesos e obesos, o cálculo da fórmula de HB deve ser efetuado com o peso corporal ajustado para que não haja superestimação do GE, conforme fórmula abaixo. Portanto, para indivíduos com peso corporal atual normal, não é necessário fazer nenhum ajuste (1,3).

Fórmula para calcular o peso ajustado em indivíduos acima do peso:

Para homens:

Peso desejado = peso ideal x 0,32 + peso ideal

Para mulheres:

Peso desejado = peso ideal x ,038 + peso ideal

Calcule seu gasto energético basal!



Pergunta enviada pela leitora Simone do Socorro de Lima Fernandes.


Referência (s)

1- Nonino CB. Calorimetria indireta X Harris Benedict: Determinação, comparação e validação cálculo da taxa metabólica de repouso em obeso grau III [Dissertação de mestrado]. São Paulo: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo; 2002.

2- Schneider P, Meyer F. As equações de predição da taxa metabólica basal são apropriadas para adolescentes com sobrepeso e obesidade? Rev Bras Med Espor 2005;11(3):193-196.

3- Frankenfield D et al. Validation of several estabilished equations for resting metabolic rate in obese and nonobese people. Journalof the American Dietetic Association 2003; 103(9): 1152-1159.

4 - Wahrlich V, Anjos LA. Validation of predictive equations of basal metabolic rate of women living in Southern Brazil. Rev Saude Publica. 2001;35(1):39-45. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89102001000100006&tlng=en&lng=en&nrm=iso. Acessado em 7/03/07.




 
 




In compliance since 2001




 
 
Copyright by Nutritotal. Todos os direitos reservados.     Tecnologia : Fermo Sistemas .     Design gráfico : Junco Estúdio Gráfico    Videos : PW Video Server